Tabira, no sertão de Pajeú, é referência na produção de mel em Pernambuco

Assista a reportagem do Globo Rural deste domingo

No sertão, a chuva pouca não recupera pastagens, nem lavouras, mas traz de volta o verde à paisagem. A aridez típica da caatinga nordestina dá lugar às flores silvestres: roxa, gitirana, vassourinha de botão, malva amarela. Um prato cheio para as abelhas.

Em Pernambuco, na região conhecida como Sertão do Pajeú, fica o município de Tabira. Ele é considerado uma referência na produção de mel no estado, mas até bem pouco tempo atrás quase ninguém ali sabia o que era criar abelha. Essa história começou a mudar, graças ao esforço e a criatividade de Adelmo Cabral.

“Quando cheguei aqui vi que tinha abelha em todo canto. A florada era uma coisa extraordinária, cheia de abelha trabalhando. Percebi que o potencial pra apicultura aqui era muito bom”, conta Adelmo Cabral. “Comecei a praticar apicultura num método tradicional, só que eu perdia muito enxame. Aí decidi estudar e criar minha própria literatura.”

Ele transformou um casebre em laboratório e, durante dois anos, observou o funcionamento de uma colmeia que fica numa caixa de vidro. Baseado nessa experiência ele desenvolveu uma série de técnicas de manejo pra tentar baratear o custo de produção, aumentar a produtividade das colmeias e melhorar a qualidade do mel.

No vídeo, Adelmo mostra  os tipos de abelha que forma uma colmeia e as funções que elas exercem. Ele mostra também os utensílios que criou para baratear a produção. Ele consegue deixar o mel sempre claro usando uma simples folha de sulfite. Do Portal G1.

6 ideias sobre “Tabira, no sertão de Pajeú, é referência na produção de mel em Pernambuco

  1. excelente reportagem e vi meu candidato a prefeito na globo. Aí está o poeta, já mesmo sem ser prefeito incentivando os agricultores de tabira, e mostrando as coisas boas de tabira e não as irregularidades que esse prefeito que aí está só faz e envegonha tabira.

    • Só pode ele tem que aparecer pra poder pedir voto, e tbm agr ele tem que correr atras dos agricultores porqueos da rua num votam mais nele .

  2. Gostaria primeiramente de cumprimentar o Sr. Adelmo Cabral pela interessante e instrutiva reportagem sobre a exploraçao da apicultura bem como pela sua alta criatividade que sem duvida alguma representa uma excelente contribuiçao para o desenvolvimento da apicultura nordestina e do Brasil. Gostaria de obter o e-mail do Sr. Adelmo bem como seu telefone para contacto. Obrigado. Prof. Dr.Lionel Segui Gonçalves, Presidente da Comissao de Coordenacao Cientifica da Confederação Brasileira de Apicultura e Diretor do Centro Tecnologico de Apicultura do RN, Mossoró-RN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with Facebook

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>