SUPERVISORA DA MERENDA ESCLARECE FATOS

Com relação a publicação veiculada nesse conceituado Blog, com o título “CRECHES DE INGAZEIRA, INTERIOR DE PERNAMBUCO, RECEBEM FRUTAS ESTRAGADAS NA MERENDA ESCOLAR”, na qualidade de Supervisora da Merenda Escolar do Município de Ingazeira, venho justificar que houveram vários equívocos por parte dos autores da publicação. A primeira delas que as frutas jamais foram servidas estragadas, conforme foi verificado pelo Conselho Tutelar e Secretaria Municipal de Saúde; Segundo porque os produtos estragados foram devolvidos aos fornecedores e substituídos por frutas em condições de consumo, cuja troca não ocasionou nenhum prejuízo aos cofres públicos municipais. Terceiro, temos a justificar que a Merenda escolar fornecida no Município da Ingazeira, são produtos de ótima qualidade, cujo preparo é orientado por nutricionista capacitado e que nunca, em nenhum momento, houve consumo de produtos estragados ou vencidos, até porque as Merendeiras são capacitadas para auxiliar a Secretaria de Educação no correto preparo dos alimentos. Por último, nota-se, claramente, que a publicação teve conotação meramente política, pois partiu de um cidadão que faz ferrenha e desleal oposição ao Prefeito deste Município que, não encontrando nada de grave que possa macular a imagem do Chefe do Executivo, “cria” fatos que não correspondem à verdade com fins puramente “politiqueiros”.

Atenciosamente,

AUDIONE MORAIS VÉRAS
– Supervisora de Merenda Escolar –
Contato: audionemorais@hotmail.com

0 pensou em “SUPERVISORA DA MERENDA ESCLARECE FATOS

  1. Se não estão sendo inegligente em servir a fruta podre para as crianças ao meu ver continua sendo incompetente em deixar as frutas se estragarem antes de servi – las que já é um grande desperdiço do dinheiro publico

  2. Queria saber porque todas as pessoas que tem algum emprego publico em Ingazeira sempre tem sobrenome VERAS. Alguém me explica?

Deixe uma resposta