Sebastião Dias: Cidadão pernambucano

Tramita a Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco um projeto que concede ao poeta e vereador reeleito Sebastião Dias (PTB), o Título Honorífico de Cidadão Pernambucano.

Justificativa

O poeta e repentista Sebastião Dias Filho, nasceu no município de Ouro Branco, localizado no Estado do Rio Grande do Norte. É filho do distinto casal, Sr. Sebastião Dias de Araújo e D. Ana Araújo de Medeiros, nasceu no dia 13 de setembro de 1950.

Desde os tempos de sua infância, ainda quando freqüentava a escola da zona rural de Ouro Branco, Sebastião já gostava de cantar, batendo com perfeição a rima e ritmando o verso sem titubear.

Entre os 16 e os 20 anos, trabalhou muito ajudando ao pai em vários afazeres, posteriormente, como tantos outros nordestinos, foi embora para São Paulo, tentar uma nova vida na cidade grande.

Retorna no ano de 1974 para residir na progressista e hospitaleira Tabira, cidade e sede do município do mesmo nome, Ribeira do Rio Pajeú, Sertão do Estado de Pernambuco. Lá em Tabira casou-se com a Dra. Yeda Maria, filha do saudoso Manuel Paulino de Melo, um dos maiores esteios políticos daquela localidade, nos tempos da antiga e gloriosa “União Democrática Nacional” (UDN).

Há 33 anos vivendo na cidade de Tabira, Sebastião Dias casou-se e constituiu família, residindo atualmente à Praça Gonçalo Gomes, 72.

O Poeta e repentista Sebastião Dias, canta há mais de 40 anos, tendo sido contemplado com o troféu de campeão em vários congressos e outros eventos do gênero.

A canção é vigorosa, estruturada em versos metrificados, a transluzir a mais coerente preocupação em um conjunto de apelos reais e culturais presentes à ideação, o que evidenciou o seu propósito de produzir essa lídima canção poética.

Alguém já disse que quando se faz referências a um poeta repentista, existe a obrigação do registro de pelo menos uma de suas estrofes.

Se assim o é, Sebastião Dias, cantando com o famoso repentista violeiro Ivanildo Vilanova, indagou-lhe num improviso.

S.D. “Me responda sobre os fatos
Do martírio de Jesus
Quem ajudou-o com a Cruz
Quais foram os ladrões ingratos
Quem era Pôncio Pilatos
Quem traiu Nosso Senhor,
Quem negou o Salvador
Quem foi com ele cravado
Se você tem bom guardado
Me responda contador”

Responde Ivanildo Vilanova.

“Pedro não reconheceu
Ser de Cristo companheiro,
Quem carregou o madeiro
Foi Semeão Cirineu
Judas foi quem o vendeu,
Pôncio era o Governador
Gestas foi Solteador
Dimas morreu ao seu lado
Como eu tenho bom guardado
Já respondi, cantador.”.

Está mais do que transparente que o poeta repentista Sebastião Dias Filho tem relevantes serviços prestados à Pernambuco e ao País, portanto acreditamos que por justo merecimento fará jus ao Título Honorífico de Cidadão de Pernambuco.”

O projeto foi aprovado na sessão plenária de 10 de junho. A autoria é do deputado estadual Antonio Moraes.

4 pensou em “Sebastião Dias: Cidadão pernambucano

  1. fico feliz,pois sebastião dias é um grande amigo,o qual adimiro bastante e tenho um grande carinho pelo mesmo.sinto saudadessssssssssssssssssss

  2. SEBASTIÃO DIAS, SOU A POETISA E ESCRITORA ZILDA MARINHO-BOA VIAGEM-CE, SOU SUA FÃ NÚMERO 1, OUÇO SUAS CANÇÕES INCANSAVELMENTE. QUERIA UMA FORMA QUE EU PUDESSE ME CONTACTAR COM VC. FIQUEI SABENDO QUE VC FOI ELEITO A PREFEITO AGORA NO PLEITO PASSADO, DEI MUITOS GLÓRIAS A DEUS, MAS GOSTARIA DE UMA CONFIRMAÇÃO. MEUS NÚMEROS TELEFÔNICOS- CEL. SÃO ESSES: (88) 88333773-OI E TIM 99002435. ESTOU TAMBEM NO FACE: zildamarinho2009@hotmail.com.br AGUARDO RESPOSTA. ABRAÇOS E SUCESSO!!!!.

  3. sou fã de sebastião dias o poeta de tabira estive no nordeste a poucos dias procurei o seu cd em todos os lugares de Fortaleza e não encontrei como eu queria encontra em algum desse planeta um cd que tivesse todas as sua canções porque são todas lindas

  4. O grupo RN, Terra das minhas Raízes, ñ tem político de estimação. Mas há casos q podem mais q a lei. Vejam: Somos fãs nº 1 do poeta repentista e violeiro, cantador há mais de 40 anos, Sebastião Dias. O cara nasceu em Ouro Branco, RN (1950). Pois bem, Sebastião é “Cidadão Honorífico Pernambucano” e prefeito de Tabira (PE); 1º prefeito reeleito desse município, do sertão do Pajeú, mesmo sertão dos grandes cangaceiros nordestinos. Teve vitória sobre seus concorrentes, por melhorar o atendimento hospitalar, pela segurança, fazendo escolas, asfaltando ruas, fazendo aparecer lideranças comunitárias, etc. Vamos buscar Bastião pra ver se ele “ajeita” o RN.

Deixe uma resposta