PT e PSB avançam para entendimento em reunião

Blog do Edmar Lyra

Lideranças políticas dos dois principais partidos da Frente Popular estiveram reunidos no Palácio do Campo das Princesas para tratar da sucessão de Paulo Câmara. Além do governador, o senador Humberto Costa também esteve presente. Do lado do PT, Doriel Barros, Teresa Leitão e Oscar Barreto participaram do encontro, já pelo PSB participaram Nilton Mota, José Francisco Neto e Sileno Guedes.

A conversa girou em torno da consolidação da aliança entre os dois partidos, o senador Humberto Costa, que vinha colocando seu nome como opção para a disputa, recebeu do governador a informação de que o PSB definirá seu nome na próxima semana, e este nome está sacramentado ser um político de mandato que tenha experiência eleitoral, política e administrativa.

O encontro aconteceu na esteira da declaração do ex-presidente Lula, que evidenciou a prerrogativa do PSB de indicar o nome para o governo de Pernambuco, e afirmou que entende o projeto de Humberto, mas que se o PSB tiver candidatura própria, o PT não lançará Humberto, apoiando os socialistas em Pernambuco.

A expectativa é de que os dois partidos estarão na chapa majoritária, consolidando a aliança e a força da Frente Popular, que contará com PSB, PT, outros partidos representativos e o maior número de prefeitos e deputados, além evidentemente da presença de Lula no palanque que reforçará o projeto do candidato apresentado pelo governador Paulo Câmara para a sua sucessão em outubro.

Deixe uma resposta