Projeto quer colocar ar-condicionado em todas as viaturas policiais

Deputado é policial militar e faz parte da "bancada da bala" nacional, liderada pelo deputado federal Jair Bolsonaro

Deputado é policial militar e faz parte da “bancada da bala” nacional, liderada pelo deputado federal Jair Bolsonaro

O que vale mais: segurança ou conforto? Proposta apresentada pelo deputado Soldado Joel da Harpa (PROS), na Alepe, faz a opção pelo segundo item. A Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCLJ) vai analisar projeto de lei (nº 84) do militar que determina a obrigatoriedade de todas as viaturas policiais civis e militares serem equipadas com ar-condicionado, informa o JC Online.

A proposta afirma ser “dever do Estado” dar condições de trabalho seguras e saudáveis aos profissionais da segurança pública, como forma de “preservar a saúde” dos policiais que ficam “expostos a altas temperaturas” ao longo da jornada trabalho. Joel da Harpa faz parte da “bancada da bala” nacional, que é composta por deputados federais, na Câmara, e estaduais nas Assembleias que integram (na ativa ou na reserva) comporações militares e polícias civis e militares.

O projeto ressalta que o aumento da temperatura tem gerado “grandes ondas de calor” que trazem consequências à saúde dos que estão nas ruas e que que “uso do pesado fardamento e do colete” poderia ser amenizado se as viaturas tivessem ar- condicionado. A questão é: no caso de confronto com bandidos, na troca de tiros, primeiro os policiais terão de baixar o vidro antes de começar a disparar. Então, o que vale mais: o conforto ou a segurança?

Deixe uma resposta