PRF coíbe excesso de peso nas rodovias federais.

A equipe de policiais rodoviários federais do Posto de Cruzeiro do Nordeste, em fiscalização de rotina, flagrou o bi-trem Volvo FH 440 placas KJX-5156 transportando barro para cerâmica de Nova Olinda CE para Cabo de Santo Agostinho PE. O condutor Zildo Paulino Nogueira informou que a carga não tinha nota fiscal, como o agente PRF suspeitou do excesso de peso, conduziu o conjunto até a balança do DNIT, localizada na BR 232 em Arcoverde e lá constatou que o bitrem tinha 84.730 kg de peso quando o máximo permitido para esse tipo de veículo é de 57 mil. Como existe uma margem de tolerância de 5% nas balanças aferidas pelo INMETRO, o excesso foi de 24.880 kg. o agente fez a autuação que gerou uma multa no valor de R$ 15.162,89 (quinze mil, cento e sessenta e dois
reais) além da obrigação da retirada do excesso de peso. Após a legalização o veículo foi liberado.

2 pensou em “PRF coíbe excesso de peso nas rodovias federais.

  1. Toda multa que temos no nosso código de transito é de um valor muito baixo principalmente de moto e carro de passeio, um exemplo, uma multa de 500,00 deveria passar no mínimo para 2,000,00 indepedente do valor de cada carro e moto, o motorista ou o piloto pensaria muito antes de cometer uma infração e educaria mais esses motoqueiros principalmente em transito urbano.

  2. A VELOCIDADE QUE OS MOTOQUEIROS ANDAM EM TABIRA É ASSUSTADOR A PEDESTRES E CONDUTORES DE VEICULOS DE QUATRO RODAS.
    A JUSTIÇA DEVERIA TOMAR AS PROVIDENCIAS ANTES QUE ACONTECEM ACIDENTES MUITO TRAJICOS NAS RUAS DE TABIRA.

Deixe uma resposta