Presidente do PR oficializa saída do Grupão e apoio à candidatura de Nicinha de Dinca

PicsArt_1406901800728Mais uma perda no chamado Grupão das Oposições de Tabira. O PR até então tratado como o patinho feio dos debates já tomou o seu rumo e deixou o bloco. O Grupão depois das primeiras reuniões isolou o PR da vice-prefeita Genedy e o tema sucessão se resumiu ao PSB e ao PRB.

Nesta terça-feira (17) o médico e Presidente do PR, Dr. Alan Xavier falou a Rádio Cidade FM sobre a saída do Grupão, a coligação com o PMDB de Dinca e Nicinha e a rejeição do Prefeito Sebastião Dias.

Grupão –
“O Grupão começou bem. Depois faltou clareza, com o egoísmo e os projetos pessoais atrapalhando o avanço pela construção de um projeto. O PR não aceita cacique nem rei ditando as normas de uma escolha. O PR não tem mais ligação com o Grupão das oposições. Mesmo se chamado para liderar a chapa do Grupão não aceitaria, pois temos palavra”.

alan-e-dincaPR com Dinca – 
“Desde o arraial do Dincão que abrimos o diálogo com o ex-prefeito. Dinca depois da cirurgia (tirou o lado ruim do coração, segundo o próprio), está aberto a ouvir as nossas propostas para melhorar a cidade. O PR se uniu a quem quer o bem de Tabira. Dinca depois da cirurgia está tão mudado que aceita que os apoiadores apresentem qualquer nome para disputar uma pesquisa com Dona Nicinha antes da homologação das candidaturas”, afirmou Alan Xavier.

PR na Vice de Nicinha – 
“Entendemos que dentro do PR o nome de Genedy Brito é o mais preparado para ser vice na chapa, mas respeitamos outros nomes de outras legendas como Aldo Santana, Djalma das Almofadas, Zé da Sulanca e outros. Não é exigência do PR formar na chapa. O meu nome também não está descartado”.

Sebastião Dias e a rejeição – 
“É muito alta, quase 50%, difícil de tirar em 45% dias de campanha, isso se a rejeição não crescer mais até a eleição. Fiquei com vergonha de ouvir o prefeito de Itapetim Arquimedes Machado, com toda razão, dando um carão em Sebastião. Ao invés de administrar a falta de médicos e medicamentos no Hospital, o prefeito vai atacar os colegas por causa do governo Dilma, é um absurdo”, desabafou Alan Xavier.

O coice de Dinca e o abraço de Sebastião – 
“É preferível a sinceridade do coice de Dinca do que a falsidade do abraço do Prefeito Sebastião Dias. E Dinca está mudado. O PR não tem do que reclamar nas conversas mantidas com ele”.

Anchieta Santos

Deixe uma resposta