Polícia detalha operação que resultou na morte de cinco suspeitos em Sergipe

Globo.com

O Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) detalhou em entrevista coletiva nesta terça-feira (2), a ação que resultou na morte de cinco suspeitos de assaltos a distribuidoras e a postos de combustíveis. A associação criminosa foi desarticulada após troca de tiros com a polícia na madrugada do sábado (29).

De acordo com o delegado André David Rodrigues, o grupo estava sendo investigado desde fevereiro deste ano devido a roubos em Boquim, Propriá e Rosário do Catete. Na noite de sexta-feira (28), os criminosos assaltaram uma distribuidora de refrigerantes e fez os funcionários reféns em Garanhuns (PE). Eles trocaram tiros com a polícia local, mas conseguiram fugir levando malotes de dinheiro, revólver e colete balístico do vigilante.

As equipes do Cope foram acionadas para interceptar o grupo, que fugiu em três carros de passeio com placas de Sergipe. Os cinco suspeitos foram localizados quando trafegavam pela próximo à zona rural do município de Monte Alegre (SE).

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) informou que os suspeitos reagiram à abordagem e efetuaram disparos contra os policiais. Todos os suspeitos foram atingidos e encaminhados para o Hospital de Nossa Senhora da Glória, mas não resistiram aos ferimentos.

O grupo estava com cinco armas de fogo, sendo três pistolas, um revólver e uma escopeta. A polícia apreendeu nos veículos munições, cinco celulares, dois coletes balísticos e os produtos roubados horas antes em Pernambuco.

O Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) e a Divisão de Inteligência (Dipol) vão continuar investigando para apurar outros crimes praticados pela quadrilha no Nordeste.

Deixe uma resposta