PSB de Tabira comemora reivindicações atendidas pelo governador Paulo Câmara

Os socialistas tabirenses integrantes do partido no município estão comemorando o fato do governador Paulo Câmara ter atendido suas reinvindicações em torno da PE-320, principalmente o trecho que corta Tabira sentido Afogados da Ingazeira.

Em contato com a Redação do Programa Radar da Cidade, da Rádio Cidade FM, o presidente da sigla, o vereador Pipi da verdura, disse que estava fazendo constantes cobranças ao governo do estado para a realização de tapa buracos na rodovia, construção de novos quebra-molas e reconstrução de outros que já existem, mas estavam danificados.

“Não sou a favor de quebra-molas, mas infelizmente é preciso ser feito para conter a velocidade de quem anda com imprudência. Até acidentes fatais já tivemos. Fico feliz porque o governador atendeu o nosso pleito para o município”, comemorou Pipi da verdura.

Compesa intensifica fiscalização e elimina ligações clandestinas em Tabira

A Compesa tem realizado diversas ações visando melhorar o abastecimento no município de Tabira, no Sertão. A mais recente foi a intensificação de fiscalizações para identificar desvios de água que prejudicam o fornecimento na cidade. Já foram eliminadas mais de 128 ligações clandestinas desde o início da operação, em maio, além de verificadas outras irregularidades, como ligações à revelia e violação de hidrômetros.

Segundo o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Gustavo Serafim, as fiscalizações vão continuar. “A nossa meta é que até o final do ano tenhamos eliminado cerca de 400 ligações clandestinas com o intuito de melhorar o fornecimento de água na cidade”, afirmou.

A Compesa alerta que o furto de água é uma prática criminosa. Qualquer cidadão pode denunciar, anonimamente, pelo 0800 081 0195, pelo aplicativo Compesa Mobile ou no site www.servicos.compesa.com.br.

Fonte: Blog de Nill Junior

Lula e Bolsonaro descartam viabilidade de 3ª via nas eleições de 2022

O presidente Jair Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva desdenharam, ontem, da possibilidade de surgimento de um candidato de terceira via para a corrida ao Palácio do Planalto, em 2022.
“Não existe terceira via, não vai dar certo, não vai atrair a simpatia da população”, disse Bolsonaro, na manhã de ontem, em entrevista à Rádio Itatiaia. Segundo o presidente, a disputa será entre ele e Lula.
Já o petista, em conversa com rádio Jovem Pan de Sergipe, explicou que “a terceira via é uma invenção dos partidos que não têm candidato. Falam em polarização… o que tem de um lado é democracia e do outro é fascismo. Quem está sem chance usa de desculpa a tal da terceira via. Seria importante que todos os partidos lançassem candidato e testassem sua força”, desafiou.
As opiniões de Lula e de Bolsonaro contra a terceira via fizeram com que os governadores de São Paulo, João Doria, e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite — que são pré-candidatos à Presidência da República pelo PSDB —, fossem ao Twitter criticá-los.
“Ninguém chuta cachorro morto. Se não existe terceira via, não sei porque Lula e Bolsonaro estão se preocupando. Depois do tanto que já nos foi roubado, querem agora roubar a nossa esperança”, reclamou Leite.
“O sonho do Lula é disputar eleição apenas com o Bolsonaro. O sonho do Bolsonaro é disputar eleição apenas com o Lula. E o sonho dos brasileiros é que os dois percam a eleição. Não adianta serem contra, a melhor via devolverá a esperança aos brasileiros”, reforçou Doria.
O senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES) também criticou Bolsonaro e Lula.
“Os ataques à terceira via só reforçam a necessidade de construir uma. Mas ela deve partir não de projetos personalistas, mas sim da identificação de pautas que não são representadas por nenhum dos dois. O Brasil precisa urgentemente de um projeto de país”, reforçou.
Já o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, que busca a filiação do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para ser o candidato do partido à Presidência, disse que os partidos que buscam uma terceira via não devem desanimar com os comentários de Lula e Bolsonaro.
“Independentemente da quantidade de candidaturas, não vamos olhar para o lado, e sim para a frente. Conversando com o eleitor, levando nossas propostas e mostrando que temos um time que representa a renovação”, observou.
Fonte: Diário de Pernambuco

Ingazeira: TCE-PE mantém multa de R$ 18 mil a prefeito

O Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) decidiu manter a multa de R$ 18 mil ao prefeito de Ingazeira, no Sertão do Pajeú, Luciano Torres (PSB), por irregularidades das contas de gestão do exercício 2015.

O gestor ainda entrou com recurso para reverter a situação, mas o Pleno decidiu, por unanimidade, negar os provimentos dos embargos, mantendo a multa.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Paulo Câmara participa de aula inaugural dos novos bombeiros militares

O governador Paulo Câmara participou, na manhã desta terça-feira (20), por videoconferência, da abertura da aula inaugural da turma do Curso de Formação e Habilitação de Praças (CFHP BM), composta por 100 soldados do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco (CBMPE). A previsão é que a turma conclua a formação em meados de fevereiro de 2022. No total, são 1.085 servidores convocados que, após a capacitação, devem começar a atuar no final do primeiro semestre do próximo ano, de acordo com o calendário de cada curso.

A formação faz parte de todo um processo que dá origem aos bons profissionais, com bases que vão desde a disciplina e hierarquia às particularidades necessárias para exercer a função com a devida clareza, estimulando habilidades para servir ao povo pernambucano como bombeiros militares”, afirmou Paulo Câmara.

O Corpo de Bombeiros participa efetivamente da política de segurança pública do Estado, com dois projetos importantes que reduzem efetivamente a criminalidade: o projeto Vidas Salvas e as ações de fiscalizações do Bar Seguro. “Em breve esses soldados integrarão equipes e atuarão nessas duas ações, que contribuem para a redução dos homicídios e dos índices de violência no Estado. Para que isso aconteça, é fundamental que se dediquem nessa formação e, ao fim dela, estejam prontos para servir ao povo pernambucano, declarou o secretário de Defesa Social de Pernambuco”, Humberto Freire.

Com os 80 oficiais da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros que também começaram o curso na segunda-feira (19), já são 180 convocados em apenas uma semana. Ainda em julho, passam a frequentar as aulas os 750 convocados para o curso de soldado da PMPE. Aqueles que forem aprovados em todas as etapas deverão concluir a formação em janeiro de 2022, estando aptos a atuar no policiamento. Por fim, em agosto a Academia Integrada de Defesa Social ativará os cursos de formação para 60 novos delegados de Polícia Civil, 50 médicos legistas e 45 auxiliares de perito, que integrarão a Polícia Científica. A conclusão dos três cursos está prevista para o fim deste ano.

Também participaram da cerimônia desta terça os secretários Carlos José (Casa Militar), José Flávio Morais (executivo da Casa Militar), Rinaldo Souza (executivo de Defesa Social), além do subcomandante geral do CBMPE, coronel Clóvis Fernandes.

Fonte: Blog do Carlos Brito

Nova variante da Covid-19 pode levar Brasil a quarta onda

A rapidez com que o número de registros de Covid-19 provocados pela variante Delta se multiplicou no Rio e a identificação de casos em cada vez mais Estados brasileiros chamou a atenção de cientistas, que temem uma nova onda da epidemia provocada pela cepa indiana. No Brasil, já são 122 pacientes com diagnóstico da nova cepa, mas especialistas acreditam que o número pode ser maior, diante das dificuldades de vigilância genômica.

Identificada originalmente na Índia, a Delta é mais transmissível que as demais variantes da doença. Tornou-se predominante em praticamente todos os países do mundo em que entrou. É o caso dos Estados Unidos e de parte da Europa. No Brasil, acreditava-se que ela poderia ser bloqueada pelo fato de a cepa predominante no País ser a Gama (identificada originalmente em Manaus). De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Gama é uma “variante de preocupação”, tão potente quanto a indiana. Mas o salto no Rio, que concentra 84 dos casos confirmados no País, acendeu o alerta.

Não podemos relaxar. Precisamos rastrear os casos e os contatos, isolar as pessoas, reforçar a vigilância epidemiológica e genômica, manter as medidas de isolamento e uso de máscara, e ampliar a vacinação”, enumera a presidente da Associação Brasileira de Saúde Coletiva, Gulnar Azevedo e Silva, professora do Instituto de Medicina Social da UERJ. “Se nada disso for feito, corremos o risco, sim, de termos uma quarta onda”.

Mais transmissível

Estudos mostram que a Delta é mais transmissível que as demais cepas, mas não necessariamente mais agressiva. Cientistas ressaltam que a variante se espalhou em países onde boa parte da população já está vacinada. Isso poderia explicar o baixo número de internações e mortes. Já se sabe também que apenas a primeira dose de um imunizante pode não ser suficiente para barrar a infecção. É complexo prever como a Delta se comportaria no Brasil, que tem menos de 20% da população imunizada com as duas doses.

É difícil avaliar porque não temos nenhum outro país com a mesma situação epidemiológica do Brasil para comparar”, afirmou o virologista Fernando Spilki, da Universidade Feevale, no Rio Grande do Sul. “Os países europeus tiveram medidas de controle muito mais rígidas e estavam com a vacinação mais avançada”. Segundo o especialista, o ideal é tentar evitar, pelo maior tempo possível, a transmissão comunitária da Delta no Brasil. É muito provável, porém, que ela já esteja circulando no Rio e em São Paulo.

Fonte: Estadão

Governo de Pernambuco promove reajuste de 11,9% na conta da água

O Governo de Pernambuco promoveu um novo reajuste na conta de água dos usuários dos serviços de água e esgoto da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

De acordo com publicação no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (20), o aumento será de 11,90% na conta.

Trata-se do segundo reajuste para 2021. Em janeiro, entrou em vigor um aumento de 2,4% na tarifa.

Sobre o novo reajuste, a resolução da Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) alega que a medida é para “compensar os efeitos da inflação de 1º de julho de 2020 a 30 de junho de 2021”.

A nova tabela tarifária foi homologada pela agência reguladora, que é presidida por Severino Otávio, conhecido como Branquinho, ex-prefeito de Bezerros pelo PSB. O reajuste entra em vigor no dia 19 de agosto.

Fonte: Blog de Nill Junior

“Se tem uma coisa que o PSB gosta de fazer é propaganda”, ironiza vereadora Dani Portela

A vereadora do Recife pelo PSOL, Dani Portela, está fazendo um trabalho de fortalecimento e apresentação do partido no interior do estado e, em passagem por Tabira, nesta terça-feira (20), concedeu entrevista ao Programa Cidade Alerta da Rádio Cidade FM.

Fazendo uma análise sobre a gestão do prefeito João Campos (PSB) em Recife, a parlamentar ironizou dizendo que o partido do gestor recifense é muito bom em propagandas. “Se tem uma coisa que o PSB gosta de fazer é propaganda. Muitas vezes é mais para dizer que fez do que efetivamente fazer”, disse.

Dani Portela, que também é advogada e professora, disse que na propaganda da Educação você ver uma escola que funciona perfeitamente, mas que nas periferias, interior e capital não se encontra escolas desse tipo.

Ela acrescentou que essas propagandas acontecem nos horários mais caros da TV. Na avaliação dela, esse dinheiro seria melhor investido em políticas públicas efetivas. Dani Portela foi candidata ao governo do estado na última eleição e ficou em terceiro lugar.

 

“A grande arma é a educação” diz José Patriota ao prestigiar lançamento do Selo Unicef Pernambuco

Foi do auditório da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), que o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou, nesta terça-feira (20/07) o Selo Unicef Pernambuco, para a gestão 2021-2024.

A iniciativa premia gestões municipais promotoras de políticas públicas voltadas às crianças e adolescentes.

Em Pernambuco, 145 municípios estão aptos a participar do prêmio, que monitora por quatro anos a gestão pública inscrita. Destes 64 já assinaram o termo de compromisso com o Unicef. Para o presidente da Amupe e 1º secretário da Confederação Nacional de Municípios (CNM), José Patriota, gestor que já conquistou o Selo Unicef, o segredo está na promoção da integração entre as secretarias e no trabalho conjunto entre os poderes municipais.

“Saúde, educação e assistência social são áreas estratégicas e devem se integrar aos demais secretários. Com a liderança do prefeito, apoio do legislativo e da sociedade civil organizada, nós podemos alcançar os resultados. A Amupe demonstra o seu total apoio ao selo Unicef e reconhece a sua importância para a melhoria de vida das nossas crianças e dos nossos adolescentes, pois a grande arma é a educação. Por esse motivo pedimos que todos os municípios aptos à inscrição, realizem-a até o dia 08 de agosto.”, frisou José Patriota.

A vice-Governadora, Luciana Santos, elogiou a Amupe através do seu presidente José Patriota, dizendo que a Instituição  tem uma  tarefa importante para fazer essa integração permanente  junto a Unicef, lembrando que Patriota tem fortalecido  a Amupe com parcerias, também  junto aos entes federativos.

“Hoje é um dia especial dos 184 municípios pernambucanos, 154 estão preparados para aderirem a essa iniciativa da Unicef e deste total, 77 já assinaram o termo de adesão, assumindo o compromisso”.

Especialista em Saúde e HIV do Unicef, Jane Santos também participou da reunião. Segundo Jane, “o Município ganha uma trajetória de 4 anos juntos com o Unicef, além de parceiros que auxiliam com suporte técnico, a partir do acompanhamento permanente com uma mobilização que venha assegurar políticas públicas em benefício das crianças e adolescentes”. As inscrições para o Selo Unicef ocorrem até o dia 08 de agosto, e podem ser realizadas através do endereço: selounicef.org.br/adesao

Fonte: Blog de Nill Junior

Sertão do Pajeú notifica cinco novos óbitos por Covid-19 e totaliza 625

Número de recuperados da doença, mais uma vez superou número de positivados e região segue com tendência de queda na contaminação. 

Por André Luis

De acordo com os boletins epidemiológicos da Covid-19 dos municípios do Sertão do Pajeú divulgados nesta terça-feira (20), nas últimas 24h, foram notificados 35 novos casos positivos, 47 recuperados e 5 novos óbitos.

Os óbitos confirmados são: um em Itapetim, um em Santa Terezinha e três em São José do Egito.

Agora o Sertão do Pajeú conta com 32.389 casos confirmados, 31.382 recuperados (96,89%), 625 óbitos e 382 casos ativos da doença.

Abaixo seguem as informações detalhadas, por ordem alfabética, relativas a cada município do Sertão do Pajeú nas últimas 24 horas:

Afogados da Ingazeira registrou 7 novos casos positivos e 5 recuperados. O município conta com 5.426 casos confirmados, 5.303 recuperados, 72 óbitos e 51 casos ativos.

Brejinho não registrou alterações no boletim epidemiológico. O município conta com 748 casos confirmados, 722 recuperados, 21 óbitos e 5 casos ativos.

Calumbi  registrou 2 casos recuperados. O município conta com 706 casos confirmados, 697 recuperados, 5 óbitos e 4 casos ativos da doença.

Carnaíba  registrou 5 novos casos positivos. O município conta com 2.133 casos confirmados, 2.043 recuperados, 35 óbitos e 55 casos ativos da doença.

Flores não divulgou boletim epidemiológico até às 22h10 desta terça-feira. O município conta com 1.029 casos confirmados, 945 recuperados, 38 óbitos e 46 casos ativos.

Iguaracy registrou 4 novos casos positivos e 2 recuperados. O município conta com 812 casos confirmados, 777 recuperados, 27 óbitos e 8 casos ativos.

Ingazeira registrou 1 caso recuperado. O município conta com 457 casos confirmados, 436 recuperados, 6 óbitos e 15 casos ativos.

Itapetim registrou 8 casos recuperados e 1 novo óbito. O município conta com 1.354 casos confirmados, 1.307 recuperados, 32 óbitos e 15 casos ativos. A Secretaria de Saúde não divulgou detalhes sobre o óbito ocorrido.

Quixaba não registrou alterações no boletim epidemiológico. O município conta com 512 casos confirmados, 495 recuperados, 15 óbitos e 2 casos ativos.

Santa Cruz da Baixa Verde não registrou alterações no boletim epidemiológico. O município conta com 617 casos confirmados, 595 recuperados, 19 óbitos e 3 casos ativos.

Santa Terezinha registrou 1 novo óbito. O município conta com 1.013 casos confirmados, 984 recuperados, 28 óbitos e 1casos ativos.

São José do Egito registrou 1 novo caso positivo, 12 recuperados e 3 novos óbitos. O município conta com 2.508 casos confirmados, 2.432 recuperados, 56 óbitos e 20 casos ativos. Os óbitos confirmados foram de três pacientes do sexo feminino, 55, 62 e 94 anos. Uma em Afogados, uma Serra Talhada e outra em São José do Egito. Todas faleceram em junho, porém, a documentação só chegou nesta terça.

Serra Talhada registrou 15 novos casos positivos e 12 recuperados. O município conta com 10.008 casos confirmados, 9.749 recuperados, 169 óbitos e 90 casos ativos da doença.

Solidão não registrou alterações no boletim epidemiológico. O município conta com 676 casos confirmados, 667 recuperados, 3 óbitos e 6 casos ativos.

Tabira registrou 2 novos casos positivos e 4 recuperados. O município conta com 2.869 casos confirmados, 2.792 recuperados, 46 óbitos e 31 casos ativos.

Triunfo registrou 1 novo caso positivo. O município conta com 940 casos confirmados, 892 recuperados, 27 óbitos e 21 casos ativos.

Tuparetama registrou 1 caso recuperado. O município conta com 581 casos confirmados, 546 recuperados, 26 óbitos e 9 casos ativos da doença.

Fonte: Blog de Nill Junior

Saiba quanto você vai pagar na conta de água em Pernambuco após novo aumento

O JC preparou uma tabela com os valores atuais praticados pela Compesa e com aqueles que passarão a ser cobrados a partir de 19 de agosto de 2021

Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) a cobrar 11,9% mais caro pelos seus serviços, chegou a hora de fazer as contas para saber quanto os consumidores pagarão após o novo reajuste aprovado nessa segunda-feira (19) e publicado no no Diário Oficial do Estado nesta terça-feira (20).

De acordo com a Arpe, o novo reajuste nas contas de água dos pernambucanos – o segundo só em 2021 – tem como objetivo “compensar os efeitos da inflação de 1º de julho de 2020 a 30 de junho de 2021”.

Para ajudar nos cálculos, o JC preparou uma tabela com os valores atuais praticados pela Compesa e com aqueles que passarão a ser cobrados a partir de 19 de agosto de 2021.

Veja quanto você vai pagar

TARIFAS POR CLIENTES QUE CONSOMEM ATÉ 10 MIL LITROS POR MÊS

  TARIFA ATÉ AGOSTO/2021 TARIFA A PARTIR DE AGOSTO/2021 ACRÉSCIMO
CONVENCIONAIS R$ 45,13 R$ 50,50 + R$ 5,37
TARIFA SOCIAL R$ 9,44 R$ 10,56 + R$ 1,12
COMERCIAIS R$ 66,40 R$ 74,30 + R$ 7,90
INDUSTRIAIS R$ 83,20 R$ 93,10 + 9,90
PÚBLICOS R$ 64,17 R$ 71,80 + 7,63

Primeiro aumento

Em janeiro deste ano, a população do Estado passou a pagar 2,4% a mais na conta de água, em relação a 2020

Em janeiro deste ano, a população do Estado passou a pagar 2,4% a mais na conta de água, em relação a 2020. A Compesa justificou a medida na recomposição da perda inflacionária correspondente ao período de julho de 2019 a junho de 2020. Segundo a estatal, o aumento deveria ter sido feito no mês de agosto, mas, por causa da pandemia provocada pelo novo coronavírus, foi adiado para 2021.

À época, a companhia explicou que, embora a pandemia não tenha acabado, estava “em conformidade com a Lei Federal 11.445/2007, que estabelece que os reajustes de tarifas de serviços públicos de saneamento básico sejam realizados no intervalo mínimo de 12 meses, de acordo com a variação da inflação”. O último reajuste aplicado pela Compesa, antes de 2021, foi em 12 de agosto de 2019, quando, a tarifa de água subiu 6,72% para todas as categorias de clientes.

Duas tarifas de água em Pernambuco

Mesmo em busca de alternativas para ampliar os investimentos, a Compesa não pretende abrir o capital a novos investidores. A mudança de posicionamento em relação ao que vinha se projetando em 2019 foi confirmada no final de junho pela presidente da Compesa, Manuela Marinho, durante audiência pública na Assembleia Legislativa do Estado. A audiência debateu o Projeto de Lei Complementar 2391/2021, que institui os blocos regionais, que poderão receber aportes privados, para universalizar o saneamento básico até 2033, em cumprimento ao Marco Regulatório do Saneamento.

O texto, enviado à Alepe pelo governo do Estado, prevê a ampliação da autorização de capital social da Compesa para até R$ 10 bilhões. O motivo, segundo a companhia, é que o capital social não era atualizado dede a fundação da estatal, facilitando a capitalização de recursos.

“O capital autorizado precisa ser maior do que o patrimônio líquido, para que ano a ano haja margem para aumentar o patrimônio líquido, conforme a gama de investimentos – uma demanda de R$ 20 bilhões. Estamos buscando formas de se criar e aumentar o patrimônio líquido (R$ 6 bilhões) para atingir o capital autorizado”, afirmou Manuela ao ser questionada na audiência.

Outra mudança pretendida é a autorização para a Compesa criar subsidiárias e participar do bloco de controle ou do capital de outras empresas.

“De que forma vai ser feita a captação, estamos estudando para apresentar à agência reguladora, e também já estamos buscando. Se vai ser via governo do Estado ou outras formas de empréstimos, será definido. A Compesa já captou R$ 100 milhões este ano. O atual governo não tem pretensão e ideia de abrir o capital”, garantiu.

Blocos

As medidas foram enviados junto com o texto que busca instituir novos blocos regionais no Estado para disputar investimentos privados. Em 2020, um projeto de lei instituindo 11 microrregiões já fora apresentado. Pelo novo texto, o Estado deverá ser divido em apenas dois blocos: Microrregião da RMR-Pajeú e a Microrregião do Sertão. Com os dois blocos, o Estado pode vir a ter duas tarifas diferentes, conforme a demanda de cada microrregião.

“O projeto de lei que instituiu as 11 regiões, em setembro do ano passado, era voltado à infraestrutura física. Estamos agora apresentando duas microrregiões, falando de economia, estudo de viabilidade, e isso interfere na possibilidade do sistema ser superavitário”, disse a secretária de Infraestrutura de Pernambuco, Fernandha Batista.

De acordo com ela, para a composição dos dois blocos foram levadas em conta “Queremos universalizar no menor prazo, com a menor tarifa possível para todos, evitando que os mais ricos (municípios) se afastem do sistema e deixem os mais pobres sem os serviços ou sendo bancados unicamente pelo Estado”, salientou.

Para manter a atração do capital privado e, ao mesmo tempo, o propósito do subsídio cruzado, o projeto precisa ser aprovado, defende Fernandha. Caso contrário, a iniciativa privada “só entrará onde der retorno”. Em Pernambuco, isso representaria menos de 20%. As mudanças devem ser aprovadas até 15 de julho. Após, fica a cargo do governo federal.

Compõe a microrregião da RMR-Pajeú: Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Agrestina, Água Preta, Águas Belas, Alagoinha, Aliança, Altinho, Amaraji, Angelim, Araçoiaba, Arcoverde, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de Maria, Belém de São Francisco, Belo Jardim, Betânia, Bezerros, Bom Conselho, Bom Jardim, Bonito, Brejão, Brejinho, Brejo da Madre de Deus, Buenos Aires, Buíque, Cabo de Santo Agostinho, Cachoeirinha, Caetés, Calçado, Calumbi, Camaragibe, Camocim de São Félix, Camutanga, Canhotinho, Capoeiras, Carnaíba, Carnaubeira da Penha, Carpina, Caruaru, Casinhas, Catende, Chã de Alegria, Chã Grande, Condado, Correntes, Cortês, Cumaru, Cupira, Custódia, Escada, Feira Nova, Fernando de Noronha, Ferreiros, Flores, Floresta, Frei Miguelinho, Gameleira, Garanhuns, Glória do Goitá, Goiana, Gravatá, Iati, Ibimirim, Ibirajuba, Igarassu, Iguaracy, Inajá, Ingazeira, Ipojuca, Itacuruba, Itaíba, Itamaracá, Itambé, Itapetim, Itapissuma, Itaquitinga, Jaboatão dos Guararapes, Jaqueira, Jataúba, Jatobá, João Alfredo, Joaquim Nabuco, Jucati, Jupi, Jurema, Lagoa de Itaenga, Lagoa do Carro, Lagoa do Ouro, Lagoa dos Gatos, Lajedo, Limoeiro, Macaparana, Machados, Manari, Maraial, Mirandiba, Moreno, Nazaré da Mata, Olinda, Orobó, Palmares, Palmeirina, Panelas, Paranatama, Passira, Paudalho, Paulista, Pedra, Pesqueira, Petrolândia, Poção, Pombos, Primavera, Quipapá, Quixaba, Recife, Riacho das Almas, Ribeirão, Rio Formoso, Sairé, Salgadinho, Saloá, Sanharó, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, Santa Terezinha, São Benedito do Sul, São Bento do Una, São Caitano, São João, São Joaquim do Monte, São José da Coroa Grande, São José do Egito, São Lourenço da Mata, São Vicente Ferrer, Serra Talhada, Sertânia, Sirinhaém, Solidão, Surubim, Tabira, Tacaimbó, Tacaratu, Tamandaré, Taquaritinga do Norte, Venturosa, Vertente do Lério, Vertentes, Vicência, Vitória de Santo Antão, Xexéu.

Já a microrregião do Sertão agrupa Afrânio, Araripina, Bodocó, Cabrobó, Cedro, Dormentes, Exu, Granito, Ipubi, Lagoa Grande, Moreilândia, Orocó, Ouricuri, Parnamirim, Petrolina, Salgueiro, Santa Cruz, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, São José do Belmonte, Serrita, Terra Nova, Trindade, Verdejante.

Fonte: JC

Bolsonaro diz que apresentará ‘provas de fraude’ na eleição na ‘semana que vem’

Segundo presidente, fraude aconteceu nas eleições de 2014 e conclusões serão encaminhadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou em entrevista à rádio Itatiaia nesta terça-feira (20) que apresentará “provas de fraudes” nas eleições “na semana que vem”. Segundo ele, se trata de fraude cometida nas eleições de 2014.

“Eu espero na semana que vem apresentar as provas de fraudes. Vamos apresentar uma fraude de 2014”, disse o presidente. “Eu só consegui ser eleito porque tive muito voto. Eu vou comprovar semana que vem que teve fraude nas eleições de 2014. Vão vir hackers para mostrar”, completou.

A eleição presidencial de 2014 teve dois turnos. O segundo turno foi disputado pelos candidatos Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) – Dilma foi reeleita. À época, o PSDB chegou a pedir uma auditoria dos votos junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não foi encontrada nenhuma evidência de que houve adulteração de programas, de votos ou mesmo qualquer indício de violação ao sigilo do voto no pleito.

À CNNo deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) disse não haver indícios de fraude nas eleições presidenciais de 2014. Aécio afirmou ainda que os crimes em 2014 são de outra natureza daquelas que o Bolsonaro diz terem ocorrido.

“Não tenho nenhum indício que aponte para fraudes naquela eleição. Os crimes ali cometidos foram de outra ordem. Era sobre a utilização sem limites da máquina pública, as fake news, o disparo ilegal de ‘zaps’ dando conta de que, eu eleito, terminaria com todos os programas sociais do governo, a utilização da Caixa, Correios, Banco do Brasil”, disse o deputado.

Na entrevista à rádio Itatiaia, Bolsonaro voltou a falar sobre o voto impresso. “Pode morrer o voto impresso na comissão. É lamentável o que o ministro Barros está fazendo”, disse. Segundo o presidente, a apresentação das supostas fraudes nas eleições de 2014 também serão encaminhadas ao TSE.

“Eu vou convidar a imprensa e, com minhas mídias sociais, vou transmitir isso aí. Com isso tudo encaminho para o TSE. Agora, o que vale mais do que todos nos é a opinião pública”, disse.

Nesta segunda-feira (19), na saída do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou que não acredita mais na aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que torna o voto impresso obrigatório. A comissão criada pela Câmara dos Deputados adiou a decisão para o dia 5 de agosto.

Ainda em junho, em entrevista à CNNo presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, afirmou que o presidente tem o “dever cívico” de apresentar as provas que diz ter sobre a suposta fraude das eleições – à época, Bolsonaro falava em fraudes nas eleições de 2018. Segundo Barroso, nunca houve fraude eleitoral documentada com a urna eletrônica no Brasil.

Eleições de 2022 e polarização

Bolsonaro ainda falou sobre as eleições presidenciais do próximo ano e criticou as articulações por uma chamada “terceira via”. Ele também não cravou que será candidato à reeleição em 2022.

“Não estou dizendo que sou candidato. Essa terceira via? O povo não engole isso, não vai atrair a simpatia da população. O Brasil está eu (sic) e o ex-presidiário.”

Uma pesquisa realizada pelo Datafolha no início deste mês indicava que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em um eventual segundo turno, com 58% dos votos contra 31%, respectivamente.

Nas perspectivas de primeiro turno, Lula tem 46% das intenções de voto, sendo seguido por Bolsonaro (25%), Ciro Gomes (8%), João Doria (5%) e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (4%), segundo o Datafolha. Optaram por branco e nulo 10% dos entrevistados, enquanto 2% afirmaram ainda não saber em quem votar.

Fonte: CNN

Hospitais e UPAs de Pernambuco reforçam campanha de alerta sobre arboviroses

Com um aumento de mais de 270% no número de casos notificados de chikungunya em Pernambuco, só nos primeiros seis meses de 2021, a unidades de saúde geridas pelo IMIP/Fundação Professor Martiniano Fernandes (FPMF) estão reforçando, durante o mês de julho, as ações de sensibilização e orientação sobre as arboviroses.

A campanha tem como tema ‘A responsabilidade também é nossa’ e o objetivo é abordar a importância das ações de prevenção dentro de casa, já que as estatísticas apontam que mais de 80% dos focos de arboviroses encontram-se nas residências. “Todos já conhecem as principais orientações em relação aos cuidados com o mosquito da dengue, chikungunya e zika, mas em períodos como esse é importante reforçarmos o alerta, já que são doenças que podem levar ao óbito ou demandar um longo período de tratamento para recuperação das sequelas, como é o caso da chikungunya”, reforça a superintendente geral da Fundação, Eline Nascimento.

De acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Pernambuco conta, atualmente, com 52 municípios em situação de risco de surto e outros 92 em situação de alerta em relação ao índice de infestação predial para o Aedes Aegypti.

Ainda de acordo com a SES, entre os dias 3 de janeiro a 12 de junho de 2021, Pernambuco registrou um total de 16.631 casos notificados de dengue, o que representa uma redução de 6,1% em relação às 17.711 ocorrências notificadas no mesmo período do ano passado. Já em relação à Chikungunya, o aumento foi de 272,9%, já que foram 8.218 casos notificados, neste ano, contra 2.204 no mesmo período do ano passado. Os casos de zika também registraram aumento dos casos notificados em mais de 108,9% (subindo de 2.156 ocorrências no ano passado, para 8.218, neste ano).

Petrolina

Na UPAE/Imip de Petrolina foram registrados apenas dois casos de arboviroses no primeiro semestre, e 50 no Hospital Dom Malan (HDM). Os dados mostram com relação ao ano passado uma redução de 95% e 86% respectivamente. Mas, mesmo com as quedas, as unidades participam da campanha pela necessidade de controle e prevenção em todo Estado.

Fonte: Blog do Carlos Britto