Oposição em Pernambuco fecha ciclo de convenções

O final de semana foi marcado por convenções politicas. No sábado (30) o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e o Cidadania oficializou o nome de Raquel Lyra (PSDB) como candidata ao governo de Pernambuco nas eleições de outubro. Priscila Krause (Cidadania) será vice na chapa, enquanto o ex-deputado federal Guilherme Coelho (PSDB) foi oficializado como candidato ao Senado.

O anúncio foi feito durante a convenção do partido no Clube Português, no bairro do Derby, na área central do Recife. O ato teve início às 9h30 com discursos de pré-candidatos dos partidos. Muitos dos apoiadores chegaram em comitivas em ônibus que vieram do interior do estado.

O PSDB e o Cidadania vão concorrer nas eleições de Pernambuco com 36 candidatos a deputados estaduais e 18 a deputados federais.

Marília Arraes

Já neste domingo (31) a convenção Movimento Pernambuco na veia, formada da coligação entre os partidos: Solidariedade, Avante, Agir36 e PSD, formalizou, no Classic Hall, a candidatura de Marília Arraes ao Governo de Pernambuco com Sebastião Oliveira na vice e André de Paula para o Senado.

Além das candidaturas de Marília, Sebastião e André, foram homologadas 58 candidaturas à Câmara dos Deputados e 118 à Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Presidente nacional do Solidariedade, Paulinho da Força, aproveitou para anunciar a oficialização do apoio à candidatura de Lula.

Miguel Coelho

Ainda ontem, o União Brasil realizou no Clube Internacional, a convenção que oficializou a chapa da coligação “Pernambuco com força de novo”, composta por quatro partidos: União Brasil, Podemos, Patriota e PSC.

Em Pernambuco a chapa é formada pelo candidato ao Governo do Estado, Miguel Coelho, sua vice, Alessandra Vieira e o advogado Carlos Andrade Lima, para o Senado.

Miguel Coelho voltou a dizer que não pretende nacionalizar o debate eleitoral, mostrando que quer ficar longe da polarização Lula X Bolsonaro.

Anderson Ferreira

E fechando as convenções das oposições em Pernambuco, o Partido Liberal (PL) oficializou, neste domingo (31) o nome de Anderson Ferreira como candidato ao governo de Pernambuco nas eleições de outubro. Izabel Urquiza será vice na chapa, enquanto o ex-ministro Gilson Machado foi oficializado como candidato ao Senado. Ambos também são do PL.

O anúncio foi feito durante a convenção do partido, realizada no Clube Português, na área central do Recife. Alguns dos apoiadores chegaram em comitivas em ônibus que vieram de regiões como o Agreste do estado. O ato, marcado para começar às 10h, teve início às 11h30, com falas de candidatos do partido.

O PL vai concorrer nas eleições de Pernambuco com 50 candidatos a deputados estaduais e 26 a deputados federais.

 

Deixe uma resposta