Em Tabira, Sebastião Dias nega perseguição política à servidora

Sebastiao Dias na Cidade 2O prefeito de Tabira, Sebastião Dias (PTB), reagiu, em nota enviada à imprensa no início da noite desse domingo (12), à acusação de perseguição política feita mais cedo pela servidora do município, Kaline Érica.

Veja a nota na íntegra:

O prefeito de Tabira, Sebastião Dias Filho, em resposta à publicação da servidora municipal, Sra. Kaline Érika, veiculada em blogs e redes sociais de Tabira e região, vem afirmar que não é de sua praxe, muito menos de suas convicções, qualquer tipo de perseguição política.

A servidora citada foi removida da cozinha do Hospital Municipal Dr. Luiz da Silva Neto, onde conta com mais três cozinheiras efetivas para a cozinha da Escola Municipal Andréa Pires, que fica localizada na mesma Avenida, a Raimundo Ferreira.

É importante frisar que tal remanejamento está acontecendo porque o Município extrapolou o limite do gasto com o pessoal que é de 54%, estando no patamar de 59,41%. Em virtude disso, o Governo Municipal está reincidindo os contratos temporários de excepcional interesse público e redistribuindo os 600 servidores efetivos nas Secretarias e Órgãos da Administração Municipal.

Deixe uma resposta