CREMEPE DIVULGA RELATÓRIO SOBRE IRREGULARIDADES NA SAÚDE DO INTERIOR

O Conselho Regional de Medicina (Cremepe) e o Sindicato dos Médicos de Pernambuco vão divulgar nesta segunda-feira (31) um relatório com informações de problemas encontrados por médicos, representantes do Ministério Público e ONGs nas visitas que fizeram a 184 cidades pernambucanas. Foram constatados casos que envolvem abuso sexual, problemas com merenda escolar, transporte escolar irregular e crack consumido por jovens do interior do estado.

De acordo com o médico e coordenador de programas sociais do Cremepe, Ricardo Paiva, a gravidade da Saúde no interior é grande principalmente na área rural. Segundo ele, o abuso sexual foi constatado em todas as 184 cidades do interior visitada pela caravana.

Sobre as drogas, o uso excessivo de crack também chamou atenção dos médicos. “Em 90% dos municípios que visitamos encontramos o crack. A maioria das cidades é do Sertão e Zona da Mata”, explicou o médico, que justificou o motivo. “Isso porque o crack é mais barato que a maconha”, complementou.

O relatório também estará disponível no
Site do Cremepe.

Deixe uma resposta